segunda-feira, 5 de outubro de 2009

E na casa da tia...

"Quando você passa eu sinto o seu cheiro.
Aguça meu faro e disparo em sua caça.
O tempo inteiro a te admirar,
perco o tino, paro de pensar.
Seguindo teus passos aonde quer que vá."

Banda Eva é cultura também. (Na época da Ivete, é cláro)

Nós nunca temos problemas demais, acredite!
E nunca diga que vai piorar porque...acredite, piora.
Mas também não vá acreditar que seus problemas sejam todos insolúveis, afinal de contas, seria mentira.
Quando você cuspir pra cima, olhe toda a trajetória dos perdigotos (escarro, pigarra...depende de você)... Observe bem como ele se move maravilhosamente e, se tivermos um sol nesse dia, observe o belo efeito físico da refração nos ditos perdigotos. Veja bem! (Em slow motion, de preferência) E não o perca de vista quando ele cair de volta bem no teu nariz! Olhe-se no espeeelho e verá que, os até então belos perdigotos, estarão lá. Isso mesmo, na tua face!

issoaê campeão o/

1 comentários:

Rogerio Martins disse...

Já cuspi pra cima num dia de sol. Fiquei de boca aberta quando vi o efeito "arco-iristico" daquele belo cuspe. Pena que não acertei meu nariz e sim orificio que deixei aberto de admiração!
;D