segunda-feira, 15 de março de 2010

How I wish...

"How I wish you were here.
We're just two lost souls swimming in a fishbowl.
Year after year....
...The same old fears."

Música é algo necessário.
Algo preciso, como navegar. Não como viver.
Morte é algo factual. Morre-se e pronto.
Algo preciso, como navegar. Não como viver.
Não temos certeza de como viver, como vivemos
Mas temos a certeza de que morreremos.
Alguns em breve. Outros talvez tardiamente.
Alguns morrem físicamente. Outros já tiveram seus espíritos (ou estado dele) mortos há tempos.
Somos previsíveis, Somos imprecisos.
Imprecisos... Afinal, quem precisa de nós?

"Somos o que dá pra fazer."
E se não dá pra fazer, quem somos então?
Ah, mas eu digo e repito: - Sou meu tudo, sou seu nada!