quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Responsabilidade e Diversão

Hoje eu quis cantar.

Cantei, por um longo momento, estremeci.
Realizei:
Nada continuava a ser como era antes.
Talvez eu fosse mais inocente no passado, e ouvia minha própria voz de um jeito mais doce.
O que eu ouvi hoje, não me surpreendeu. Não me realizou.
Por um momento, quis chorar.
Então eu vi o que estava faltando... Ah sentimento! Ah, emoção!
Pra que cantar pro mundo me ouvir, se eu esqueci de cantar pro meu coração?
Foi esse mesmo coração que me colocou e me mantém no meio de toda essa música, no meio de tudo isso...
Ninguém melhor do que ele pra receber um retorno.
Assumo meus demônios e meus anjos, e canto.

Canto pra mim, canto pra quem quiser me ouvir, canto pra você e, canto pra ele...o meu coração.
Boa noite. :)

0 comentários: