domingo, 16 de outubro de 2011

A Good Hurt

Vai doer ter de esquecer tudo o que eu sustentei durante tempos para justificar minha esperança, meu sentimento.
Mas eu definitivamente espero que valha a pena.
Convenhamos! Merecemos coisa melhor!
Não quero ser um entrave, tão pouco sua única saída.
Com 6 bilhões de pessoas, eu não posso, nem devo me julgar tão importante.

Eu não quero ir, mas eu posso...E eu preciso, você sabe.

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Conversa com um amigo

"Maristella Diz: Eu sempre vou estar só.

ninguém conhece o meu coração tão bem quanto eu.
ninguém me vê chorar à noite.
ninguém sabe dos meus medos e vontades...e ninguém vai ser feliz com as minhas conquistas...mais do que eu mesma.
então eu sempre estarei sozinha. Sempre.
Não adianta disfarçar...
ter família.
ter amigos.
porque pra crescer, é você por você mesmo.
pra viver, é você por você mesmo.
as atitudes, quem tomamos somos nós mesmo, as palavras somos nós que escolhemos....E como? Sozinhos.
Somos seres humanos individualistas...e sozinhos.
porém temos companhia para as coisas boas da vida.
encontramos parceiros para muitas coisas! Passeios, conversas, ficar sem fazer nada, dar luz a crianças.
compartilhar solidão.
Cabe a nós nos isolar...potencializar a nossa "solidão".
Ou saber como viver bem sozinho...porém não solitário."

sábado, 8 de outubro de 2011

Be alright

Eu preciso inovar.
Preciso acordar.
Preciso fugir dos pensamentos negativos que me acompanham, ou enfrentá-los de forma a transformá-los em algo positivo.
Eu preciso, preciso, preciso.
Agora, precisar seria a mesma coisa de fazer? E de conseguir?

Acreditar, confiar (correndo atrás) e alcançar.
Eu fico bem, eu consigo.

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Hora de arrancar os cabelos,

Não!
Hora de respirar fundo, e acreditar que de alguma forma...As coisas vão funcionar.
Se não hoje, amanhã ou semestre que vem.
Eu terei outra oportunidade e uma nova mentalidade.
As coisas hão de dar certo. Eu vou colocar as pecinhas em seus devidos lugares, e fazer a "geringonça" funcionar.

Boa quinta.

domingo, 2 de outubro de 2011

O mais que puder

Respire fundo, o mais que puder. Faça esse exercício agora, tente!

Nessa respiração, imagine que estás a limpar seu coração de todo o peso que ele aparenta carregar.
Perceba o ar entrando nos seus pulmões, circulando e levando consigo tudo o que estava lá...Grudado e guardado.
Levante seus braços, procure um alongamento.
Ao levantá-los, busque uma prece, um agradecimento seja pelo que for...Talvez pelo simples fato de ter acordado, de ter tomado café, de saber ler, qualquer coisa. Independente das suas crenças, acredite que deva existir algo por e para se agradecer.
Relaxe os ombros. Livre deles o peso dos seus dias infelizes.
Carregue-os com a leveza dos momentos onde você pôde sorrir com a pureza de uma criança que já foi, mas no fundo pode nunca ter deixado de existir.
Conte até dez, pausadamente. prolongue as palavras, como se estivesse a dizer uma meditação. Teste sua paciência e disposição para fazer algo assim, aparentemente, bobo.
Sinta-se bem.
Acredite que somos capazes de nos refazer após 5 minutos diários de um exercício como esse.
Acredite que todos os dias somos capazes de recomeçar, e de progredir.

Tudo o que escrevo aqui, é o mais puro reflexo da minha alma. Aqui está toda a minha necessidade, e tudo aquilo que preciso praticar para me sentir melhor... Quem sabe compartilhar com quem está a ler, seja tão proveitoso quanto fazer tudo isso.
Tenha uma ótima semana =)