sexta-feira, 26 de junho de 2015

O problema era a intensidade.
Para mim estava perfeitamente audível.
Para os outros: Ensurdecedor, coisa demais.

E vice-versa.

0 comentários: